terça-feira, 29 de dezembro de 2015

Festa de Réveillon 2016 terá reforço de mais de 1.600 policiais



Mais de 1.600 policiais – entre civis, militares e bombeiros - vão reforçar a segurança nos festejos de réveillon na Paraíba, sendo 580 só nas cidades que compõem a Região Metropolitana da Capital.  Em João Pessoa e Cabedelo, a festa de Ano Novo vai contar com um efetivo de 461 policiais civis, militares e bombeiros militares, na faixa que compreende o Busto de Tamandaré, na Capital, até a praia de Intermares. Especificamente, a Polícia Militar possui o maior efetivo, sendo 300 homens que atuarão diretamente na Festa de Réveillon de João Pessoa.

Na parte do Busto de Tamandaré, haverá policiamento em plataformas de observação espalhadas pela faixa de areia, além do reforço da van de monitoramento, com 16 câmeras, que ajudam a identificar tumultos e outros tipos de crime, que possam ocorrer no meio da multidão. Em todo o Estado, a Polícia Militar disponibilizou um reforço de 1600 policiais.

Já a Polícia Civil vai empregar 40 policiais descaracterizados na orla de João Pessoa, a fim de identificar ocorrências de tráfico de drogas e porte ou posse ilegal de armas. O mesmo trabalho também será realizado na praia de Intermares, onde acontece a Festa de Réveillon da cidade Cabedelo.

Estarão funcionando em regime de plantão para registros de ocorrências policiais a 9ª Delegacia Distrital (Mangabeira), e o Distrito Integrado de Segurança Pública (Disp) de Manaíra para confecção de todos os procedimentos policiais. A 6ª DD, de Santa Rita e 7ª DD de Cabedelo, na região metropolitana, também vão trabalhar em regime de plantão, esta última para registros de ocorrências policiais. 

Funciona também, em regime de plantão de 24h na Central de Polícia Civil, a Central de Flagrantes para confecção de todos os procedimentos policiais e registro de Boletins de Ocorrência.  Permanecem em plantão ainda as delegacias especializadas de Homicídios, Roubos e Furtos, Roubos e Furtos de Veículos, Repressão a Entorpecentes, Delegacia da Mulher e da Infância e Juventude, na Capital, todas na Central de Policia localizada no bairro do Geisel.

Os plantões dos litorais Sul e Norte terão sede nas cidades de Alhandra e Mamanguape, respectivamente. Em Campina Grande o atendimento acontece na Central de Polícia, no bairro do Catolé, com as delegacias de Homicídios e Roubos e Furtos. O cidadão também pode registrar as ocorrências na Delegacia Online pelo endereço, (www.delegaciaonline.pb.gov.br) . A lista com as Delegacias de plantão durante a virada do ano está no site da Policia Civil, (www.policiacivil.pb.gov.br).   

BOMBEIROS - As festas de Ano Novo que acontecem nas praias de Tambaú e Intermares, em João Pessoa e Cabedelo (respectivamente), vão contar com um esquema preventivo do Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba (CBMPB). No total, serão 121 bombeiros empregados nos dois eventos, que acontecem nesta quinta-feira (31) e se estendem até o dia 1º de janeiro de 2016.

Secom/PB

IPC da Paraíba vai emitir carteira de identidade com tipo sanguíneo e fator RH

A partir desta segunda-feira (4), quem for solicitar a carteira de identidade (RG) nas Casas da Cidadania do Estado e no Instituto de Polícia Cientifica da Paraíba (IPC), no bairro do Cristo, em João Pessoa, vai precisar levar, além das certidões de nascimento e de casamento, um documento oficial ou exame de laboratório atestando o tipo sanguíneo e o fator RH. A obrigatoriedade da apresentação desses documentos atende a Lei nº 10.464, de 14 de maio de 2015, sancionada pelo governador Ricardo Coutinho.
De acordo com a lei, as novas cédulas de identidade emitidas na Paraíba devem ter um campo destinado ao registro do tipo sanguíneo e do fator RH de seu titular. Além da 1ª via da identidade, quem vai tirar a 2ª via do documento também terá que apresentar o exame ou documento oficial.
“Todo documento de identidade emitido a partir do mês de janeiro de 2016 terá obrigatoriamente essas informações, para cumprimento da legislação em vigor. O programa responsável pela emissão já foi preparado para atender essa demanda e os funcionários do IPC e das Casas da Cidadania estão treinados para atender as pessoas. Lembramos que quem já tem o documento não precisa trocar”, disse o gerente de Identificação Civil e Criminal do IPC, o perito Marcos Lacet.
Em 2014, o Instituto emitiu 224 mil carteiras de identidade e em 2015, até o mês de novembro, foram 180 mil. Desde o início de dezembro, as pessoas que vão retirar a primeira ou segunda via do RG precisam  agendar o serviço pela internet. A medida dá mais agilidade ao trabalho e amplia o número de atendimentos nas quatro Casas da Cidadania de João Pessoa e Campina Grande, que agora podem emitir, por dia, 240 carteiras de identidade e 100 em Campina Grande. 
Agendamento – Para ter acesso ao agendamento eletrônico, o interessado deve acessar a página do Governo do Estado (www.paraiba.pb.gov.br) e abrir o link que fica do lado direito da tela, identificado com ‘Agendamento RG’. Lá vão estar as opções: solicitar agendamento, acompanhar agendamento e cancelar agendamento.
O sistema informa as datas e os horários disponíveis para o atendimento, os documentos necessários para a emissão da primeira ou segunda via da carteira de identidade e emite a guia de pagamento. O cidadão também pode acompanhar o processo de agendamento ou cancelar, se não puder comparecer ao local no dia marcado.

segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

Pagamento dos servidores do Estado começa nesta quarta-feira


Resultado de imagem para dinheiro
Os servidores do Governo do Estado começam a receber seus proventos de dezembro a partir desta quarta-feira (30). No primeiro dia, serão pagos os salários dos aposentados e pensionistas. Na quinta-feira (31), será a vez dos ativos da administração direta e indireta. A informação é da Secretaria de Estado da Administração.
Com o pagamento sendo efetivado a partir da quarta-feira, o Governo confirma o compromisso de liberar os proventos dos servidores sempre dentro do mês trabalhado, apesar da crise econômica pela qual atravessa o País. Outro exemplo desse compromisso com os servidores foi a liberação da segunda parcela do 13º Salário em meados deste mês.
A Secretaria de Administração lembra ainda que o ponto será facultativo nesta quinta-feira, em todas as repartições do Estado, devido às festividades de Ano -novo. A exceção são os serviços essenciais, a exemplo de hospitais e segurança pública. As atividades voltam ao normal na segunda-feira (4).

quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

Aesa prevê chuvas localizadas no setor leste da Paraíba nesta quinta-feira



A Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa) prevê, para esta quinta-feira (17), nebulosidade variável com possibilidade de chuvas localizadas em todo o setor leste do estado, que compreende as regiões do Litoral, Agreste e Brejo. A previsão é válida ainda para Alto Sertão e Sertão.

De acordo com a Aesa, a temperatura máxima na faixa litorânea deverá atingir os 31º C e a mínima, os 25º C. Para o Brejo, a previsão é de que a máxima chegue aos 30º C e a mínima, aos 20º C. Já para a região do Agreste, máxima de 33º C e mínima de 21º C.]

No Sertão, a temperatura máxima deverá ficar em torno dos 39º C e a mínima, dos 23º C. No Alto Sertão, máxima de 38º C e mínima de 23º C. Para a região do Cariri-Curimataú, que deverá ter apenas nebulosidade variável, a previsão é de máxima em torno dos 35º C e mínima de 21º C.

Secom/PB

Projeto Bombeiro Mirim forma 90 crianças em João Pessoa



Ao ser questionado sobre o que aprendeu ao longo do ano no projeto Bombeiro Mirim, do Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba (CBMPB), Paulo Cavalcante, de 12 anos, é enfático: “ajudar a salvar vidas”. Esse é um dos lemas de projeto, que esta semana, só em João Pessoa, formou 90 crianças na área de prevenção de acidentes e cidadania.
                            
Paulo, que desenvolveu a aptidão de ajudar o próximo durante as aulas do projeto, contou que já repassa o que aprendeu para os familiares. “Minha vó tem o costume de deixar o cabo da frigideira para fora do fogão, o que é errado, porque uma criança pode mexer e derramar comida quente em cima dela”, contou ele, nessa terça-feira (15), quando recebeu o certificado de participação no projeto.

A formatura que marcou o encerramento do curso aconteceu no Quartel do Comando Geral do CBMPB, em João Pessoa, e foi a primeira das turmas que se formam até a sexta-feira (18). Conforme a coordenadora do projeto do núcleo da Capital, tenente Aline Alana, os 90 formandos estão divididos em três grupos de 30 alunos cada.

Na solenidade de conclusão, os pequenos bombeiros também receberam brindes do programa; além do certificado, que representa a formação em noções de primeiros socorros, combate a incêndio e de salvamento aquático, noções de Defesa Civil, cidadania, cuidados no trânsito, prevenção às drogas – entre outras disciplinas.

“A experiência de trabalhar com eles foi muito boa. Eles chegaram ao projeto com uma visão de bombeiros e saíram com outra melhor ainda; aprenderam sobre respeito e disciplina, a olhar para o próximo, a ajudar o outro. Muitos também desenvolveram a sensibilidade de querer ser bombeiro”, contou Alana.

Segundo ela, as próprias professoras do colégio em que as crianças estudam relataram um grande avanço delas. “Elas notaram que os alunos que participam do projeto diminuíram a bagunça e passaram a respeitar mais as professoras e os pais. Foi uma evolução incrível”, comentou Alana.

Dados - Ainda este ano, a previsão é formar cerca de 300 crianças no projeto, contando com os núcleos que funcionam em Sousa e em Cajazeiras. Desde 2010, quando a ação teve início, já foram atendidas aproximadamente 1.033 crianças, sendo 184 só no ano de 2014. 

O Projeto – O Bombeiro Mirim promove a inclusão social de crianças em situação de risco e exclusão social.  Como estratégia para prevenção ao uso de drogas e da violência, o programa oferece atividades coletivas que visem estimular o sentimento de amor à Pátria; aulas de reforço para alunos com dificuldades nas disciplinas escolares; entretenimento e lazer, atividades físicas, sensibilizando-os a respeito da importância de uma vida saudável.    

No transcorrer do curso, o Corpo de Bombeiros busca as crianças nos bairros e as instruções são ministradas na própria sede do Comando ou em locais apropriados, como por exemplo, jardim zoológico, Batalhão de Busca e Salvamento. Os alunos recebem uma refeição e só então são reconduzidos ao núcleo familiar.

Secom/PB